terça-feira, 16 de novembro de 2010

Vir a Ser

Eu procuro por mim.
Eu procuro por tudo o que é meu
e que em mim se esconde.
Eu procuro por um saber
que ainda não sei, mas que de alguma forma já sabe em mim.
Eu sou assim... processo constante de vir a ser.



O que sou e ainda serei
são verbos que se conjugam
sob áurea de um mistério fascinante.
Eu me recebo de Deus e a Ele me devolvo.
Movimento que não termina
porque terminar é o mesmo que deixar de ser.
Eu sou o que sou na medida em que
me permito ser.
E quando não sou é porque o ser eu não soube escolher.

(Trecho do livro - Quem me Roubou de Mim - Padre Fábio de Melo)

sábado, 13 de novembro de 2010

“POEMA da SAUDADE”

“Em alguma outra vida,devemos ter feito algo muito grave,para sentirmos tanta saudade...
Trancar o dedo numa porta dói.
Bater o queixo no chão dói.
Dói morder a língua,cólica dói, dói torcer o tornozelo.
Dói bater a cabeça na quina da mesa, carie dói,pedras nos rins também dói.
Mas o que mais dói é a saudade.
Saudade de um irmão que mora longe.
Saudade de uma brincadeira de infância.
Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais.
Saudade do amigo imaginário que nunca existiu.
Saudade de uma cidade.
Saudade de nós mesmo,o tempo não perdoa.
Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se Ama.
Saudade da pele,do cheiro,dos beijos.
Saudade da presença,e até da ausência consentida.
Você podia ficar na sala e ele no quarto,sem se verem,mas sabiam-se lá.
Você podia ir para o dentista e ele para a trabalho,mas sabiam-se onde.
Você podia ficar sem vê-lo,e ele sem vê-la,mas sabiam-se amanhã.
Contudo,quando o Amor de um acaba,ou torna-se menor no outro.
Sobra uma saudade que ninguém sabe como deter.
Saudade é basicamente não saber.
Não saber se ele continua fungando num ambiente mais frio.
Não saber se ele continua sem fazer a barba por causa daquela alergia.
Se aprendeu a entrar na internet,se aprendeu a ter calma no trânsito.
Se continua preferindo cerveja a uísque(e qual a cerveja)
Se continua sorrindo com aqueles olhos apertados,e que sorriso lindo.
Será que ele continua cantando aquelas mesmas musicas tão bem(ao menos eu admirava)?
Será que ele continua fumando e se continua adorando Mac Donald's?
Será que ele continua não amando os livros,e ela cada vez mais?
E continua não gostando de dar longas caminhadas,e ela não assistindo televisão?
Será que ele continua gostando de filmes de ação,e ela de chorar em comédias.
Será que ela continua lendo os livros que já leu?
Será que ele continua tossindo cada vez que fuma?
Saber é não saber mesmo!!!
Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais longos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento.
Não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.
Saudade é não querer saber se ele está com outra, e ao mesmo tempo querer.
É não saber se ele está feliz, e ao mesmo tempo perguntar a todos os amigos por isso...
É não querer saber se ele está mais magro, se ele está mais belo.
Saudade é nunca mais saber de quem se Ama e ainda assim doer.
“Saudade é isso que senti (e sinto) enquanto estive escrevendo e o que você (deveria) provavelmente estar sentido agora depois que acabou de ler.”

Quem inventou a distância nunca sofreu a dor de uma saudade!!!

 (Matha Medeiros)
 
 


             E você, do que sente saudades? Sentes saudades do que passou ou daquilo que nunca teve? Há quem diga que a saudade é um sentimento ruim. Sim, em partes ela é. Ocorre que se algo ou alguém deixa saudades, é porque, no mínimo, trata-se de alguém ou alguma coisa que de uma certa forma te fez ou faria bem.
             A pior de todas as saudades é aquela que você nunca extinguirá. Tem aquela que você tem fotografias, escritos, filmagens, lembranças e que quando você recorre à ela, dá aquela sensação gostosa de reviver ainda que na memória tudo o que passou. Quando isso acontece, você enxuga as lágrimas, respira fundo e diz: bola pra frente! Já a saudade daquilo que não aconteceu, de um futuro sonhado, planejado, programado, um futuro vivido diante de juras e promessas que não virão, esta sim é a que mais dói. Uma estrutura toda criada, um caminho traçado, uma vida milimetricamente construída, de repente, sem nenhuma explicação aceitável: ACABA! Aí vem as perguntas: cadê? Por que? Como? Quando?
           E a resposta é simples: não dá pra viver intensamente hoje o dia de amanhã.

       Se for pra viver, viva o hoje! Doe-se hoje! Ame hoje! Realmente o amanhã pode nem chegar, e poderá deixar de herança apenas a melancolia dos sonhos impossíveis de serem vividos.

sábado, 23 de outubro de 2010

A lenda da serpente

         
           Conta a lenda que uma vez uma serpente começou a perseguir um vaga-lume. Este, fugia rápido, com medo da feroz predadora, e a serpente nem pensava em desistir. Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada...

No terceiro dia, já sem forças, o vaga-lume parou e disse a serpente:

- Posso lhe fazer três perguntas?

- Não costumo abrir esse precedente a ninguém, mas já que vou te devorar mesmo, pode perguntar...

- Pertenço a sua cadeia alimentar?

- Não.

- Eu te fiz algum mal?

- Não

- Então, por que você quer acabar comigo?

- Porque não suporto ver você brilhar...



Moral da história

Têm pessoas que se dizem seu(a) amigo(a), mas o que eles querem mesmo é acabar com o seu(a) sucesso.
Nem todas as pessoas que pra você sorri e te elogia querem exaltá-la (o), de repente querem é estar mais próximas de ti para não perder nenhuma falha sua.
(autor desconhecido)




Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

sábado, 2 de outubro de 2010

Assim te ganho



Já, desde cedo, eu bem sabia:
Única vez -  você me assaltaria.
Levaria meu coração, seu refém,
Instalaria o seu em mim, também.

O seu semblante, outrora triste,
Entende o perigo, mas insiste:
Beije-me! Beije muito sua dona!
Até que eu não volte mais à tona.

Rápida, me imaginavas apenas amigo,
Bebia eu do que mais havia de estranho:
Amar minha amiga, ainda cativa comigo.

Rendí-me ao riso dela, mas nem ligo:
Apareceu meu riso, te tomo e apanho;
Prendo-te em mim, assim te ganho.

domingo, 22 de agosto de 2010

Não precisa mudar

      Enquanto muitas pessoas caminham na vida, outras precisam parar. É tempo de parar pra pensar em suas atitudes, em sua vida. Quando não damos esse freio em nossa caminhada, parece que alguém faz isso por nós.
      Andamos de maneira acelerada sem percebermos o sinais que estamos ultrapassando. Se ficarmos atentos, iremos perceber as buzinadas que nos são direcionadas. As buzinas da vida podem vir com sons de resmungos, gemidos, reclamações até chegarem às palavras mordazes. Quanto mais se acelera, mais difícil é perceber a nossa velocidade. É o famoso vamos que vamos.
      Só que de repente, do nada, vem alguém e entra na nossa frente, dá um grito e diz stop! Vá mais devagar e olhe bem o caminho que você está percorrendo! Você sabe onde isso vai dar? Quando isso acontece nós tomamos um susto. -Ei! Não grite comigo! O que foi que eu fiz?
      Sim, você não percebe o caminho que percorreu, quantas coisas você atropelou, e quantos detalhes pequenos e importantíssimos você não observou. São nesses detalhes que estavam o prazer da viagem.
      Acontece que esse é o seu jeito de ser. Você não sabe andar de vagar. Quando te viram pela primeira vez e gostaram de você, você estava em alta velocidade. Da outra vez que você deu ouvidos aos resmundos e desacelerou, acabou perdendo sua beleza.
       É como se fosse uma estrela cadente, se ela passasse devagar, seria uma estrela como qualquer outra, mas o fato dela passar muito rápido e de te permitir apenas um pedido, é que faz torná-la especial. Destacar-se das outras estrelas. A estrela cadente é assim! É o jeito dela. Pedir que ela passe devagar, ainda que o intuito seja o de admirar sua beleza, é de uma certa forma, acabar com sua beleza, é matá-la!
       Então pense! Reflita! Antes de querer que o outro mude o jeito dele ser, pense se não foi por esses de.feitos que você passou a gostar. Pergunte se a estrela se ela quer deixar de ser cadente, antes que ela acabe achando que você nunca gostou dela, mas sim do que ela poderia se transformar: na realização de seu desejo.


 Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Dia 20 de Agosto de 2010 - No sufixo do coração, o Sonho.

               Quero-quero, como eu quero este dia, o tão sonhado grande dia. Depois de contar nos dedos, hora por hora pelo dia vinte de agosto, vejo-me e, a cá está ele. Dia lindo, céu límpido, já não falta mais nada para a realização do grande sonho.
               São vinte e sete anos esperando este dia, este lindo dia. Planeja-se cada passo a ser dado, cada olhar diferenciado e sentir um novo perfume. Busca-se a independência! Sim, independência, aquela que não estará presa a nada! Aquela que se pode fotografar sem ser visto, aquela que de nada necessita a não ser sorrir para a própria felicidade. Esquecer o café-da-manhã sobre a mesa e viver meu grande dia. Tocar o próprio rosto e sentir a energia vibrar. Sorrir e vibrar, eis o que eu queria.
              Muitos esperaram por esta data. Uns para comemorar um aniversário, outros para a chegada de um novo bem, outros esperavam para nascer. Há quem esperasse para encontrar um grande amor, outros esperaram para que hoje fosse promovido, e esperaram, esperaram e esperaram. Foram Esperas Múltiplas pelo dia vinte de agosto.
              Eu também esperei. Nossa, e como eu esperei! Eu queria 20 de agosto a qualquer custo. Vencer o medo, ganhar liberdade... eu queria voar. Voar por este céu, romper galáxias, rasgar meteoros e realizar meu grande sonho. Ao menos uma vez, uma vez na vida eu queria realizar este sonho. Muitos o denominam pão! Mas pra mim é sim, um sonho.
             Por questões Nobres eu tive que adiar nosso dia vinte de agosto. Meu, seu e de quem mais esperou por este dia. Mas que eu queria, eu queria, só um pouquinho eu queria. Assim pra ver eu queria. Mas não vamos deixar pra lá. Pois que você, senhor vinte de agosto, não está aqui, o que eu posso fazer é cuidar de mim, e eu não vou ficar triste, porque o você ainda irá chegar. Ah vai!!!


Viva!
Feliz 20 de Agosto!



sexta-feira, 2 de julho de 2010

Mais um pouco de mim.

          Como o blog é meu, eu tenho o direito de colocar nele o que eu bem entender, então estou postando como me sinto neste exato momento.
         Primeiro me sinto fisicamente fraca e insegura. Não tenho mais o controle do meu corpo. Estou trêmula, coração saltitando e sinto como se fosse desmoronar.
           Sinto-me fraca também porque estou descontente com meu corpo. Depois de emagrecer 44 kg, não tenho o corpo que gostaria de ter, logo estou optando por fazer tudo errado. Não como direito e o que como, "coloco pra fora". Não como por prazer, mas por obrigação, como apenas para me manter de pé.
           Falando do meu "estado de espírito", estou muitíssimo incomodada com meu mau-humor constante. Todos os dias me sinto assim, posto que nada é como eu gostaria que fosse. NADA.
           Sinto que a única coisa que ainda não me abalou é a fé, mas confesso que as vezes me pergunto porque de tanta coisa ruim acontecendo.
           Emocionalmente falando, estou muito feliz e muito triste. Motivo? Mistérioooooo.
           Falta-me o ar neste momento e sinto fisgadas na direção do coração, mas sei que não vai acontecer nada demais.
           Fiquei triste hoje por ter acontecido alguns problemas de família, mas espero que amanhã seja um dia melhor. Se for possível e eu conseguir levantar cedo, quando acordar, quem sabe não escrevo nova postagem contando coisas ótimas?
           Acho que agora agora, vou... não sei. Encostarei minha cabeça no sofá.



domingo, 27 de junho de 2010

Sentar ao lado de um negro???

Simplesmente Fantástico


         Uma mulher branca, de aproximadamente 50 anos, chegou ao seu lugar na classe econômica e viu que estava ao lado de um passageiro negro.'O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons...'

         Visivelmente perturbada, chamou a comissária de bordo.
         - Qual o problema, senhora?', pergunta a comissária..
         - Não está vendo?' - respondeu a senhora - 'vocês me colocaram ao lado de um negro. Não posso ficar aqui. Você precisa me dar outra cadeira'

         'Por favor, acalme-se' - disse a aeromoça - 'infelizmente, todos os lugares estão ocupados. Porém, vou ver se ainda temos algum disponível'.

           A comissária se afasta e volta alguns minutos depois. - Senhora, como eu disse, não há nenhum outro lugar livre na classe econômica. Falei com o comandante e ele confirmou que não temos mais nenhum lugar na classe econômica. Temos apenas um lugar na primeira classe'. E antes que a mulher fizesse algum comentário, a comissária continua:

          - 'Veja, é incomum que a nossa companhia permita à um passageiro da classe econômica se assentar na primeira classe. Porém, tendo em vista as circunstâncias, o comandante pensa que seria escandaloso obrigar um passageiro a viajar ao lado de uma pessoa desagradável'.

           E, dirigindo-se ao senhor negro, a comissária prosseguiu: - Portanto senhor, caso queira, por favor, pegue a sua bagagem de mão, pois reservamos para o senhor um lugar na primeira classe...'

     E todos os passageiros próximos, que, estupefatos assistiam à cena, começaram a aplaudir, alguns de pé.




Se você é contra o racismo, comente e jamais esqueça o que esta mensagem quer te ensinar!

 


"Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, ainda haverá guerra."
(Bob Marley)

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Ahhhhhhhhhhh, EU QUERO GRITAR!!!

            As vezes me dá uma vontade tão grande de gritar...


            Mas um grito tão alto que ninguém vai conseguir escutar e sentir a força que ele tem.

             As vezes gritos de amor, muitas outras gritos de dor. Dor da perda, da separação, dor de emoção. Gritar até ficar tonta, até ficar rouca.

              Tem horas que falamos assim: - ah! Fulano é doido – eu acho que felizes são os doidos que gritam.

              Os bons costumes e o denominado “politicamente correto” nos impedem de fazer aquilo que de fato queremos fazer.

              Às vezes amamos tanto uma pessoa, ou estamos tão felizes com uma coisa, ou ainda tão satisfeito com uma situação que dá muita vontade de gritar. Como se o maior som fosse capaz de representar um sentimento.

          Por outras vezes, estamos tão chateados, tão magoados ou com tanta dor que queremos gritar não só com a garganta, queremos gritar com os poros, queremos que nossas células nos ajudem a gritar num mesmo coro.

         Pior é quando cometemos um erro e não podemos “anunciá-lo” por falta de coragem ou até mesmo por precaução. Dá aquela vontade enorme de dizer: ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhh! (Isso não parece uma palavra, mas transmite todo um sentimento).

           E quando queremos muito uma coisa e não conseguimos..., não está ao nosso alcance? Ah! Que vontade de gritar...

           Também dá vontade de gritar quando sentimos que alguém sacaneou a gente. Quando fomos usados, quando fomos passados pra trás.

           Quando não gritamos, o que nos resta é chorar. Seja emoção por coisa boa ou por coisa ruim. Chorar até formar rios, mar...

           Aos que me conhecem quero dizer que tenho motivos para gritar de amor e de dor. Gritos de alegria e felicidade. Gritos de dúvidas. Gritos de saudade. Gritos de tristeza, gritos de insatisfação, e principalmente, da vontade de gritar por querer gritar e não poder.


Que me conter que nada! Eu quero é anunciar para o mundo minha felicidade...

Que me acalmar que nada! Eu quero é explodir com a vibração da minha garganta...

Que pensar antes que nada! Eu quero é mostrar pro mundo o quanto tirei a sorte grande...

Que dar a volta por cima que nada! Eu quero é mais é que veja o quanto me magoou...

Eu quero mais é que ouçam meu grito... ouçam o grito que dou com meu silêncio!!!


           Eu quero chorar, eu quero quebrar, eu quero esmurrar o ar, eu quero enforcar, esmagar pisar, cuspir, esbofetear, amassar, gritar, gritar e gritar...

           Eu quero que o mundo inteiro saiba o que eu sinto, quero rir toda minha face, quero beijar o mundo inteiro, eu quero colorir todo o céu, estrela por estrela, quero mergulhar o mar inteiro e abraçar o mostro do lago, cantar todas as músicas, ahhhhhhhhhhh, EU QUERO GRITAR!!!




A melhor maneira que achei para expor meu sentimento foi ficando em silêncio e isolada no meu canto. Pois como diz a conhecida frase:
se meu silêncio não te diz nada, minhas palavras são inúteis.





Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

domingo, 6 de junho de 2010

Desejos do apaixonado!

               
            Ah! O amor...


                 Tem pessoas que passam pela vida e aparentemente não tem importância nenhuma, que não fazem nada de útil para ela, para o próximo e para a sociedade. Alguma dessas pessoas quando morrem, parece que ninguém nem percebe, é como se fossem mesmo uma planta ou um bibelô, onde nota-se a que tem algo diferente mas não se dão conta do que é.
                Já existem pessoas que são extremamente importante para a sua família e/ou para a coletividade. Seja por grandes descobertas, invenções, atitudes, pensamentos, ou qualquer outro ato que faz a diferença num determinado grupo social ou na sociedade em geral. 
                 Mas existem aquelas pessoas que fazem a diferença nas nossas vidas. Na vida particular de cada pessoa. São aquelas pessoas que nos fazem sorrir até mesmo quando estamos muito distante delas. Que nos dão a sensação de que a vida é bela sim!!! Que a queremos por perto nem que seja para respirar o mesmo ar ou observar ainda que de longe os movimentos do seu corpo. Queremos ouvir a voz, queremos seu sorriso, queremos seu olhar, seu toque, sentir a sua pele.
                Essa pessoa é aquela que queremos estar por perto a qualquer momento. A que quando acordamos queremos preparar-lhe o café-da-manhã, dar um gostoso abraço e dizer-lhe bom dia! É aquela que queremos sentir o cheiro da pele, ajeitar-lhe a gola da camisa e dizer: - nossa! Como você é lindo! Nem da pra acreditar que és meu.

               Queremos fazer-lhe companhia em todos os momentos. Aturar seu mau-humor e rir do mesmo comercial. Queremos curar sua dor e dizer-lhe o quanto é especial. Queremos escrever cartas de amor e dizer milhares de eu te amo! Queremos cobri-las de presentes. Queremos dar o melhor de nós, queremos nos entregar completamente.Todos os pensamentos nos levam a ela, todas as cores, roupas, e prazeres queremos dividir com ela. Essa pessoa é aquela que queremos não por toda a vida, mas por todo o tempo que a vida possa proporcionar viver essa paixão com a maior intensidade!



Soneto do Amor Total


Amo-te tanto, meu amor ... não cante
O humano coração com mais verdade ...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade.


Amo-te afim, de um calmo amor prestante
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.


Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim, muito e amiúde
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.

(Vinícius de Moraes)
 
 


Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

terça-feira, 1 de junho de 2010

Superando todos os limites!

          Tem pessoas que vivem reclamando da vida, que vivem reclamando por um monte de coisas. Reclamam por não ter o corpo perfeito, ou por não ter dinheiro para comprar isso, ou aquilo. Reclamam porque o cabelo não estica, ou não alisa... e reclamam, reclamam e reclamam.

          Na noite passada, foi divulgado na mídia, o lançamento do livro escrito por Alexandra Szafir, advogada, irmã do ator Luciano Szafir.

          O livro“DesCasos: uma advogada às voltas com o direito dos excluídos” (Editora Saraiva), trataé um apanhado de histórias presenciadas pela autora em mais de dez anos de prática nos fóruns criminais.
         Porém, o que chama atenção neste livro é a maneira qual ele fora escrito, pois há cinco anos, Alexandra começou a desenvolver a doença ELA, ou Esclerose Lateral Amiotrófica, é uma doença rara e com causa ainda não completamente conhecida. Afeta os neurônios motores da medula espinhal e é progressiva.




         Sem mexer qualquer outra parte do corpo, a não ser os olhos e levemente o pescoço, para que Alexandra pudesse escrever o livro, foi instalado em seu computador, um software que utiliza a webcam para reconhecer em seu rosto o ponto central: o nariz, que passa a comandar o mouse. Assim, cada letra vai sendo digitada em um teclado virtual.
         A maneira que Alexandra teve para se comunicar no lançamento do livro foi, com um quadro contendo as letras do alfabeto, conforme ela olhava para as letras, quem o segurava identificava cada letra e formava palavras e depois frases.

         O livro que tem 82 páginas, demorou 2 anos para ser escrito, mas que sem dúvidas foi a melhor coisa que eu pude ver na televisão nos últimos tempos.

         Ainda existe gente que reclama quando tem que ler um texto pequeno, ou reclama de ter que escrever um bilhete ou uma carta para alguém. Já a autora deste livro me emocionou com seu esforço e dedicação.
Isso é o que eu chamo de lição de vida.
        Espero que, se você tiver que reclamar de algo daqui pra frente, lembre-se, você está melhor do que muita gente. Não se lamente: batalhe! Corra atrás de seus sonhos! E valorize cada coisa que a vida te deu.

Quem quiser ler mais sobre essa notícia divulgada na mídia, acesse esse link: História de Alexandra Zsafir

Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

domingo, 30 de maio de 2010

As coisas não são sempre o que parece ser...

           Dois anjos viajantes pararam para passar a noite na casa de uma família rica. A família era rude e se recusou a deixar os anjos ficarem no quarto de hóspedes da mansão. Em vez disso eles foram mandados a dormir num pequeno e frio espaço no porão.

          Quando estavam fazendo sua camas no chão duro, o anjo mais velho viu um buraco na parede e consertou-o. Quando o anjo mais novo viu perguntou o por que disso, o anjo mais velho respondeu: "As coisas não são sempre o que parecem ser".

          Na próxima noite o par de anjos foi descansar na casa de pessoas muito pobres, mas muito hospitaleiras, um fazendeiro e sua esposa. Depois de dividir o pouco de comida que tinham, o fazendeiro e sua esposa acomodaram os anjos na sua cama onde poderiam ter uma boa noite de descanso.



          Quando o sol ascendeu na manha seguinte os anjos encontraram o fazendeiro e sua esposa em lágrimas. Sua única vaca, que o leite tinha sido sua única fonte de renda familiar, deitava morta no campo. O anjo mais novo estava furioso e perguntou:
          - "Como você pode deixar isto acontecer? O primeiro homem tinha tudo e você ajudou ele. A segunda família tem pouco mas estava disposta a dividir tudo, e você deixou a vaca morrer."

O anjo mais velho respondeu:

          - "As coisas não são sempre o que parecem ser.". E continuou: - Quando nós ficamos no porão daquela mansão, eu vi que tinha ouro guardado naquele buraco na parede. Desde que o dono era totalmente obcecado por dinheiro e incapaz de dividir sua fortuna, eu tampei o buraco pra que ele não ache o ouro. Então noite passada quando estávamos a dormir na cama do fazendeiro, o anjo da morte veio por sua esposa. Eu dei a ele a vaca no lugar de sua esposa. As coisas não são sempre o que parece ser..."


(Autor Desconhecido)

Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Você já sabe tudo sobre a reforma ortográfica?

           A língua portuguesa é a quinta mais falada e a terceira do mundo ocidental, superada pelo inglês e o castelhano. Atualmente, aproximadamente 250 milhões de pessoas no mundo falam Português, o Brasil responde por cerca de 80% desse total.
           Diante disso, no mundo a língua portuguesa é instituída como oficial em Portugal, Ilha da Madeira, Arquipélago dos Açores, Brasil, Moçambique, Angola, Guiné-Bissau, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe. Diante da grandiosidade da língua, em países do MERCOSUL é obrigatório o ensino do português como disciplina escolar.
           Existem ainda lugares que utilizam a língua de forma não oficial, assim o idioma é falado por uma restrita parcela da população, são eles: Macau, Goa (um estado da Índia) e Timor Leste na Oceania.
Com tanta gente falando português, imagine então a confusão que não deve ser sobre a maneira correta de escrever. Eis o motivo qual foi necessária a unificação da língua portuguesa.
           Umas pessoas falam que a reforma ortográfica só serviu para dificultar ainda mais nossa escrita. Outros pensam que é algo pessoal porque, mal aprenderam um pouco das regras gramaticais para fazer prova concurso, aí vem esta reforma e muda um monte de coisas.
Mas não importa, independentemente do que você acha, agora tem palavras que não tem mais ífem, outras perderam o acento, outras que antes escreviam separadas se juntaram...
... assim não tem jeito. Ou você aprende o certo e consegue se destacar um pouquinho na hora de escrever ou fazer um concurso, ou você vai continuar sem saber todas essas regrinhas, rsrsrs.
            O site http://www.fmu.br/game/home.asp achou uma forma bem legal de fazer você aprender e fixar as novas regras desta reforma. Eles prepararam um jogo muito agradável que testa seus conhecimentos e ajuda a se acostumar com as atuais regrinhas.
            Descubra agora se você já está craque na reforma ortográfica! Passe lá e faça seu teste!


Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

domingo, 23 de maio de 2010

O mundo sem as mulheres...

O cara faz um esforço desgraçado para ficar rico pra quê?
O sujeito quer ficar famoso pra quê?
O indivíduo malha, faz exercícios pra quê?

A verdade é que é a mulher o objetivo do homem.
Tudo que eu quis dizer é que o homem vive em função da mulher.
Vivem e pensam em mulher o dia inteiro, a vida inteira.
Se a mulher não existisse, o mundo não teria ido pra frente.
Homem algum iria fazer alguma coisa na vida para impressionar outro homem, para conquistar sujeito igual a ele, de bigode e tudo.
Um mundo só de homens seria o grande erro da criação. Já dizia a velha frase que 'atrás de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher'. O dito está envelhecido. Hoje eu diria que 'na frente de todo homem bem-sucedido existe uma grande mulher'.

É você, mulher, quem impulsiona o mundo.
É você quem tem o poder, e não o homem.
É você quem decide a compra do apartamento, a cor do carro, o filme a ser visto, o local das férias.
Bendita a hora em que você saiu da cozinha e, bem-sucedida, ficou na frente de todos os homens.
E, se você que está lendo isto aqui for um homem, tente imaginar a sua vida sem nenhuma mulher.
Aí na sua casa, onde você trabalha, na rua. Só homens.

Já pensou?

Um casamento sem noiva?
Um mundo sem sogras?
Enfim, um mundo sem metas.

ALGUNS MOTIVOS PELOS QUAIS OS HOMENS GOSTAM TANTO DE MULHERES:

1- O cheirinho delas é sempre gostoso, mesmo que seja só xampu.
2- O jeitinho que elas têm de sempre encontrar o lugarzinho certo em nosso ombro, nosso peito.
3- A facilidade com a qual cabem em nossos braços.
4- O jeito que tem de nos beijar e, de repente, fazer o mundo ficar perfeito.
5- Como são encantadoras quando comem.
6- Elas levam horas para se vestir, mas no final vale a pena.
7- Porque estão sempre quentinhas, mesmo que esteja fazendo trinta graus abaixo de zero lá fora.
8- Como sempre ficam bonitas, mesmo de jeans com camiseta e rabo-de-cavalo.
9- Aquele jeitinho sutil de pedir um elogio.
10- O modo que tem de sempre encontrar a nossa mão.
11- O brilho nos olhos quando sorriem.
12- O jeito que tem de dizer 'Não vamos brigar mais, não..'
13- A ternura com que nos beijam quando lhes fazemos uma delicadeza.
14- O modo de nos beijarem quando dizemos 'eu te amo'.
15- Pensando bem, só o modo de nos beijarem já basta.
16- O modo que têm de se atirar em nossos braços quando choram.
17- O fato de nos darem um tapa achando que vai doer.
18- O jeitinho de dizerem 'estou com saudades'.
19- As saudades que sentimos delas.
20- A maneira que suas lágrimas tem de nos fazer querer mudar o mundo para que mais nada lhes cause dor.
21-HOMENS GRÁVIDOS....IMAGINEMMMMMMMMMM

(Arnaldo Jabour)‏


Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Bate-volta

Fui indicada por duas amigas lindíssimas, a Leila Franca e Regina Bonelli para responder este bate e volta, então fiz como realmente manda a brincadeira, responder com a primeira coisa que me vem a cabeça. Seguem as perguntas e minhas respostas:

O dia mais belo?  O dia do nascimento de um filho (apesar de ainda não ter filhos).

A coisa mais fácil? Educação.

O maior obstáculo? A falta da auto-confiança.

O maior erro? Achar que não erra ou não admitir o erro.

A distração mais bela? Olhar a natureza.

A pior derrota? Aquela que não se tira nenhum proveito.

Os melhores professores? Os idosos.

A primeira necessidade? Ter fé.

O que mais lhe faz feliz? A felicidade da minha família.

O maior mistério? O dia de amanhã.

O pior defeito? A Mentira.

A pessoa mais perigosa? A que tem o espírito vingativo.

O sentimento mais ruim? O desprezo.

O presente mais belo? Um sorriso sincero.

O mais imprescindível? A boa vontade.

A rota mais certa? O percorrido rumo à sabedoria.

A sensação mais agradável? Aquela do: eu consegui!

A proteção efetiva? A dos pais.

O melhor remédio? O tempo.

A maior satisfação? A de fazer o bem.

A força mais potente do mundo? A fé.

As pessoas mais necessárias? A família.

A mais bela de todas as coisas? O amor que os pais tem pelos seus filhos.


Agora vou indicar 5 pessoas que espero que respondam, ok?

Elizinho
Kitmell
Ebrael
Rudamon
Tarcício


Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Confiança

           Viver em sociedade significa conviver com uma ou mais pessoas além de você.
           Existem coisas que não são provadas e existem coisas que não necessitam de provas. Entende-se que as coisas quais não necessitam de provas são aquelas que a gente acredita na fonte, ou seja, são aquelas informações que chegam até a gente e que a gente não precisa comprovar para ver se é verdade. Tal fenômeno se dá por algo conhecido pela palavra confiança.
           Quando crescemos, aprendemos que confiança é como o cristal, uma vez quebrado, ainda que se cole todos as partículas espalhadas, não se tem mais o mesmo brilho.
           Quando se confia em alguém, é como se entregássemos a essa pessoa um bem de alto valor, se essa pessoa não protege este bem, mesmo se desculpando, mesmo justificando com motivos que de fato mostre que foi inevitável a quebra desta confiança, você jamais conseguirá confiar nela plenamente.



            O que acontece, é que por mais que você diga, tudo bem, vou confiar em você novamente, na primeira oportunidade você irá investigar se a nova confiança não foi quebrada também. Por exemplo quando se conta algo e pede segredo, uma vez que a pessoa que você contou o segredo, o revelou para alguém, um novo segredo contado a essa pessoa, se revelado, a PRIMEIRA pessoa que você vai achar que espalhou ou transmitiu o segredo é aquela que já fez isso uma vez.



             Todos nós somos falhos, todos nós temos nossos defeitos, mas nada é tão insuperável quanto a quebra de confiança. Quando você vê que aquela pessoa quem você tanto confiou, traiu esta confiança, muitas vezes você fica com um sentimento de raiva, mas nem sempre da pessoa, mas de si mesma. Muitas vezes, você chega até às lágrimas.
              Não adianta, a melhor maneira de se guardar um segredo, quando for seu, é não contá-lo a ninguém, quando for segredo do outro, a melhor maneira de guardá-lo é nem saber dele.
   
  
               Uma esposa ou marido, ou namorado (a), quando é traído, se perdoa, a reicidência do fato que gerou a traição, levará de imediato a auto pergunta: será que estou sendo traído (a) novamente? Ou seja, perdoou, mas não confiou como antes. Uma vez abalada a confiança, é impossível a reconstrução da forma perfeita.
                Então, a dica que eu dou é a seguinte: se confiaram em você, faça de TUDO para nunca perder essa confiança, pois quando se fala de ser humano, quando se fala de pessoas, fala-se de sentimentos que, se for abalado meu caro leitor, você nunca mais o recuperará em sua plenitude.

Pense nisso!

Segue abaixo algumas frases de confiança... aproveite-as.


 
"A confiança é um ato de fé, e esta dispensa raciocínio."
(Carlos Drummond de Andrade)
          

Nenhum homem merece uma confiança ilimitada - na melhor das hipóteses,
a sua traição espera uma tentação suficiente.
(Henry Mencken)
 
A confiança perdida é difícil de recuperar. Ela não cresce como as unhas.

(Johannes Brahms)
 
Fiquei magoado, não por me teres mentido, mas por não poder voltar a acreditar-te.
(Friedrich Nietzsche)
 
A confiança pode exaurir-se caso seja muito exigida.
(Bertolt Brecht)
 
"Quanto maior a confiança, maior a traição"
(Luthor)
 
Confiança não se impõe. Conquista-se.
(L. J. Lebret)
 
A chave para a verdade é a confiança. Quando se confia em alguém, não se tem medo de falar a verdade. E, quando se confia em si mesmo, não se tem medo de ouvi-la.
(Alessandro Igor)
 
Pedir aos outros que acreditem em nos é facil, o dificil mesmo é quando os outros pedem que acreditemos neles, por isso partilha a confiança porque sem confiaça a relação não resiste e o amor não existe.
(Eugenio Leandro Pascoal Salvador)
 
*A confiança demora anos para construí-la e segundos para destruí-la!
(Maik Alves)
 
Confiança é como caminha no escuro, sempre existe o medo e nunca se sabe quando vai tropeçar.
(Black C.)
 
  Confiança...
      Fina taça de cristal,
      uma vez quebrada,
Sempre   
Que
br
a
d
 a
  ficará.
(Maria Aparecida Giacomini Dóro)
 
 
 
 
Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

domingo, 16 de maio de 2010

A Música da Minha Vida

          Fui indicada por 2 pessoas extremamente carinhosas para o meme "a música da minha vida". São essas pessoas, o Antônio Regly do blog http://decoracaopracoracao.com/ e também meu grande amigo Ebrael, do blog http://ebraelshaddai.wordpress.com/.

          Assim, eu demorei muito tempo pra escrever este post porque eu simplesmente sou APAIXONADA por música, assim, eu tenho muitas músicas que marcaram minha vida. Daí eu pensei nas músicas que não poderia deixar de citar. As duas primeiras são relacionadas a minha mãe. E a última descreve exatamente a minha sobrinha mais nova, a Eduarda.

         A música A lua e eu, cantada por Sampa Crew lembra uma vez que minha mãe estava sentada num sofá bem velho aqui de casa, mais ou menos um ou dois anos antes de ir para outra vida, que ela ouviu e disse com uma mão na perna e a outra no cabelo quando ela estava "ficando calva" do nada... ela, sempre muito vaidosa, com os olhos lacrimejados disse: - é... quando olho no espelho, estou ficando velha e acabada...

Desculpem, mas prefiro não comentar mais sobre essa música... ela é muito forte pra mim...




          Essa segunda música, Vento no Litoral, de Renato Russo,  também me faz lembrar muito minha mãe, principalmente no trecho que diz: ...  quando olhavamos juntos, na mesma direção. Aonde está você agora além de aqui, dentro de mim?... agimos certo sem querer, foi só o tempo que errou, vai ser difícil sem você, porque você está comigo o tempo todo/ e quando vejo o mar/ existe algo que diz / que a vida continua e se entregar é uma bobagem/ já que você não está aqui/ o que posso fazer/ é cuidar de mim/ quero ser feliz ao menos/ lembra que o plano era ficarmos bem...



          A terceira música é: Aos Olhos do Pai (não sei quem canta). Essa música foi "re-batizada" por mim como música da Eduarda, e detalhe, ela também acredita que é dela mesmo, rsrsrs. A Eduardinha, minha sobrinha mais nova, nasceu com uma doença chamada Mielomeningoceli (quem não conhece eu recomendo que pesquise, pois acontece muito) e foi uma luta muito grande. Pretendo fazer uma postagem sobre ela e essa doença, mas primeiro vou pedir permissão da minha irmã pra divulgar inclusive a foto dela. Mas é uma doença que deixa muitas sequelas, só que, depois de muita oração e fé, minha sobrinha foi praticamente curada. Ela é especial na nossa família, pois veio para nos unir e trazer muita alegria. Segue abaixo a "sua música", rsrs.




          Obrigada meus amigos pela indicação. Se eu pudesse colocaria inúmeras músicas aqui. Muitas mesmo. Mas espero que aos poucos eu vá colocando postagens com músicas quais eu amo e que me marcaram, quem sabe você não encontre uma que se identifique com você.



Agora seguem meus indicados:

Thales maciel (Topmaiz) : http://studiodown.blogspot.com/

Roberto Maia (Rob Maia): http://thirinhas.wordpress.com/

Isaias Lima (Isaikki): http://tutisablog.blogspot.com/

Mad resgate: http://poesiasefatos.blogspot.com/

William Junior: http://metendobico.blogspot.com/

Maria de Fátima Jacinto (Areratama): http://www.araretamabiojoias.blogspot.com/



         



Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

Corações calejados

           Fala-se de mãos e pés calejados, mas pouco se fala de corações calejados.

           Portanto.. quanta gente há por aí vivendo como se não fosse possível ter sentimentos porque um dia foram magoadas.

         As pessoas mais duronas, que parecem indiferentes ao amor, carinho e ternura, são pessoas endurecidas pela vida. São vítimas de uma dor que não souberam gerir.

          Uma empresa mal administrada vai à falência; um coração mal dirigido vai à ruína.

         Somos nós os gerentes da nossa vida. A nós cabe as decisões importantes que conduzirão nosso caminho. Você já experimentou andar com um sapato apertado? No início a gente aguenta, faz até cara bonita e se diz que depois vai amaciar. Mas isso nem sempre acontece e depois de algum tempo percebemos que, mesmo se as pedras no caminho podem fazer mal, melhor mesmo é deixar esse sapato de lado, ainda que seja aquele que a gente tanto desejou e até se sacrificou para adquirir.


         Há pessoas que calejam nosso coração. Fazem parte da nossa vida e as amamos, mas nos fazem mal... tanto e tanto que acabamos fechando aos poucos as portas do nosso coração a outras possibilidades.
Nos trancamos dentro dele e vivemos na escuridão da nossa própria sombra. Não permita que alguém magoe seu coração a ponto de te deixar insensível. Não deixe de acreditar nas estrelas porque um dia as nuvens escuras encobriram seu céu.



          Se seu coração está calejado, cuide dele com mais carinho ainda. Que seja ele a transformar a atitude dos outros em relação a você e não o contrário!

          Se alguém que você ama só quer brincar com seu coração, talvez essa pessoa não mereça o amor que você sente.

         E por mais difícil que seja, guarde seu coração das asperezas, não deixe que as decepções o endureça. Olhe em outras direções, dê uma chance aos que te querem bem e ao seu coração de ser cuidado com o carinho que ele merece.



Letícia Thompson




Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

sábado, 15 de maio de 2010

Fórmula para realizar seu sonho!

          Acho que todos os seres humanos, enquanto estão vivos tem algum sonho. Seja ele possível ou não.
          A distância do sonho para a realidade é determinado pela soma da sua perseverança com disciplina.
          Quando se quer muito uma coisa, a primeira atitude a ser tomada é parar e pensar em todos os meios possíveis de se conseguir o que quer. Uma vez que já se sabe de todas as maneiras pra conseguir seu objetivo, deve-se usar um filtro. Este filtro se dá pela junção da ética com o caráter, ou seja, não passar por cima de ninguém e nem fazer nada ilegal ou moralmente não recomendado. Isso mesmo. Não faça nada que, depois que conquistou o que quis, o fará repensar em suas atitudes, seja de magoar alguém ou fazer coisas que seus próprios valores condenam.




           Lembre-se, o mais cruel julgador é a sua própria consciência. Desta, por mais que se tente esconder um fato, ela sempre o acusara e o condenará.
          Não faça ninguém infeliz, a não ser aquelas pessoas que desejam seu mal ou que não desejam seu sucesso. Mas a infelicidade dessas pessoas é natural, acontecerá ao ver sua plena felicidade.
          Pronto, o mais importante você já tem. Um sonho e os meios de alcançá-lo. Agora é muito mais fácil, você só precisará acreditar sempre que conseguirá o que tanto desejas e não tirar de foco o seu objetivo.
          A coisa mais importante é: não dê atenção demais aos obstáculos. Obstáculo nada mais é aquela coisinha terrível que se sobressais quando você tira de foco o seu sonho, o seu objetivo.
          Você também não pode esquecer de uma coisa, não se pode ter tudo. Para ter uma coisa, provavelmente você terá que abrir mão de outra coisa. Por exemplo, se você não tem muito dinheiro e mesmo assim quer muito ter um carro, além de ter que trabalhar muito para conseguir comprá-lo, você terá que abrir mão das saidinhas nos finais-de-semana, terá que cortar os gastos com festinhas e, de repente terá até que não usar o dinheiro das férias ou 13º salário para outras coisas, que não seja investir no seu próprio carro. Os obstáculos aparecerão, então, ainda que talvez você tenha que retirar do pagamento um dinheiro para comprar um tênis ou algo parecido, lembre-se, não perder o foco, gastar com somente o que for necessário.



          Se você quer ser médico, engenheiro, advogado, ou qualquer outra profissão, terá que abrir mão de muitas saidinhas com os amigos porque deverá estudar.
          Mas uma coisa é certa, se você acredita que é capaz, VOCÊ VAI CONSEGUIR!
Então, a fórmula é: perseverança + ação = realização!
         Só nunca perca o bom senso e a ética, eles são fundamentais para que seu sonho tenha um tempero a mais.
         E você, qual é o seu sonho?         

Agora vá a luta e boa sorte!



Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

terça-feira, 11 de maio de 2010

Homenagem à Maria Marcal

              Deus quando fez o mundo, mostrou o quanto é criativo ao criar diversos seres vivos.
              Quanto ao ser humano, Ele realmente foi incrível, pois existem bilhões espalhados pelo mundo e temos uma única certeza: NINGUÉM É IGUAL A NINGUÉM!
             Tive a oportunidade de conhecer muitas pessoas, e entre as pessoas especiais que conheci, uma delas se chama Maria Marcal.




             Seu sorriso é a primeira coisa que chama atenção quando a olhamos. Em seu blog (http://maturidadedivagando.blogspot.com/) logo a baixo de seu perfil, tem um selo que a descreve, este é o Sou da Paz.
              Linda gaúcha com um sotaque maravilhoso de ouvir. Ela é dona daquele coração que chamamos de "Coração de Ouro", pois, entre outras coisas, é a única pessoa que eu conheço que, no dia do seu próprio aniversário, presenteia os amigos, rsrsrs.
             E sua última conquista foi a eleição de Miss Simpatia! Detalhe: ninguém mais se habilitou em concorrer porque sabe que não teria chance de levar o prêmio.
             Desta forma. em nome desta eleição, dou a você Maria, seu prêmio:





Uma singela homenagem feita em vídeo.
Parabéns pela simpatia que és e obrigada por sempre nos presentear com sua amizade e mensagem de carinho.




Pensa diferente ou concorda com o que eu disse? Participe com seu comentário!

domingo, 9 de maio de 2010

Mães Adotivas

                Esta postagem é para as mães adotivas...
               Eu não digo dos filhos adotivos, mas sim daquelas pessoas que adotamos como mãe, que ouvimos como mãe e ficamos felizes e confortáveis quando ganhamos um abraço como se fosse de mãe de verdade.
               Isto mesmo, só que não aquelas adoções de papel passado. São aquelas adoções de corações e braços abertos.
              Como já não é novidade pra ninguém, o dia das mães definitivamente não é uma data qual eu posso comemorar, a não ser pelo fato de Deus ter me dado, mesmo que por pouco tempo, a melhor mãe do mundo que, esteja aonde estiver, ela é a minha mãezinha.
              Com essa carência por falta de mãe, eu sempre arranco a maternidade em cada palavra de força e corforto que as mães e mães pela internet afora me dão.
              Por exemplo, no diHITT em alguns momentos me senti tanto num colinho de mãe. Não só das mães maravilhosas que fazem parte dali não, mas até dos homens que me deram carinho e conforto como se fossem meus pais.



              Então, em homenagem ao dia das mães indico o seguinte poema para, Kitty Mell (Valéria), Maria Marcal, Leila Franca, Vovó Lili, Rose Nakamura, Jackie Freitas, Sissym, Regina Borelli, Rosana Madjarof , Shirley Lima, e a todas as outras mães dihittianas que aceitaram minha adoção.

              Em especial eu dedico este poema a minha mãezinha Iaraci Barbosa que se encontra agora junto a Deus. Mãe, você é a pessoa que eu mais amo neste ou em qualquer mundo. Muito obrigada por me criar e ensinar tudo o que me ensinou enquanto estivemos juntas. Eu te amo mãezinha!!! Dedico também às minhas "irmães" Marciara e Flávia por me darem a força que nossa mãe nos daria se estivesse conosco. Vocês são ótimas "irmães". Parabéns!

Mãe

Mãe carinhosa, mãe dengosa

Mãe amiga, mãe irmã

Mãe sem ter gerado é a mãe de coração



Mãe solidão,

Mãe de muitos, mãe de poucos

Mãe de todos nós, Mãe das mães

Mãe dos filhos

Mãe-pai: duas vezes mãe



Mãe lutadora e companheira

Mãe educadora, mãe mestra

Mãe analfabeta, sábia mãe

Mãe dos simples e dos pobres

Mãe dos que nada têm e dos que tudo têm

Mãe do silêncio, mãe comunicação



Mãe dos doentes e dos sãos

Mães dos que plantam e dos que colhem

Mãe de quem nada fez e de quem compra feito



Mãe de quem magoou e de quem perdoou

Mãe rica, mãe pobre

Mãe dos que já foram, mãe dos que ficaram

Mãe dos guerreiros e dos guerreados



Mãe que sorri, mãe que chora

Mãe que abraça e afaga

Mãe presente, mãe ausente

Mãe do sagrado, mãe da luz

Mãe de Jesus e mãe nossa.



Mãe, simplesmente mãe.



Dedique você também a uma mãe especial!